LusOpenEdition

O projeto LusOpenEdition disponibiliza à comunidade científica lusófona quatro plataformas de publicação e de informação em ciências sociais e humanas, de âmbito internacional:

OpenEdition Books – Coleções de livros
Revues.org – Revistas
Calenda – O calendário de eventos em letras e ciências sociais e humanas
Hypotheses.org – Cadernos de investigação

Estas quatro plataformas complementares constituem um dispositivo completo de edição eletrónica ao serviço da informação científica. A LusOpenEdition cria um espaço dedicado à valorização da investigação em língua portuguesa. O portal tem por missão promover a edição eletrónica científica em acesso aberto, respeitando o equilíbrio económico das publicações. A LusOpenEdition garante a autonomia editorial dos projetos e proporciona-lhes perspetivas de inovação adequadas ao formato digital.

Condições de acesso

  • As revistas, os livros e os cadernos de investigação são selecionados por um Conselho Científico
  • O alojamento no site é gratuito
  • A formação nos programas Lodel e em Wordpress para colocação dos conteúdos online é gratuita.

Conselho Científico

Clínio de Oliveira Amaral (Professor adjunto da UFRRJ, investigador da Rede Luso-Brasileira de Estudos Medievais e LEPEM/UFRRJ, Brasil)
Gustavo Cardoso (Professor catedrático, ISCTE-IUL, CIES-IUL, Portugal)
Marin Dacos (Diretor da OpenEdition, França)
Antónia Pedroso Lima (Professora auxiliar, ISCTE-IUL, CRIA, Portugal)
Emília Margarida Marques (Investigadora, CRIA, Portugal)
Pierre Mounier (Vice-diretor da OpenEdition, França)
Margarida Queirós (Professora auxiliar, CEG-UL, Portugal)
Hervé Théry (Investigador, Credal-IHEAL, França / Professor convidado da Universidade de São Paulo, Brasil)
Maria Vasconcellos (Professora associada, FSP – Universidade de São Paulo, Brasil)
Glaucia Villas Bôas (Professora, NUSC-UFRJ, Brasil)

Financiamento

Centre pour l’édition électronique ouverte (2011- )

Centro em Rede de Investigação em Antropologia (2011- )

Fundação Calouste Gulbenkian (2011-2014)

ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa (2016 – )